Ir para o conteúdo

O que rolou na jam session de 03-03-2018!

Um mar de gente de todos os cantos do planeta invadiu nossa praia pra curtir uma jam session linda no primeiro sábado de março! E quem chegou cedo conseguiu também presenciar aquele pôr do sol que só se vê na Bahia, abrindo uma JAM no MAM carregada de participações especiais!

A Geleia Solar, banda base anfitriã da JAM no MAM, entrou em campo com um time peso pesado formado por  Felipe Guedes (guitarra), Luisinho Assis (teclado), Ivan Huol (bateria), Ivan Bastos (baixo), Tiago Nunes (percussão), Fernando Miranda (trompete), Fernando Isaia (trompete) e Matias Traut (trombone). A banda também recebeu Lorena Martins, Jéssica Kaline e Aline Falcão, que ocuparam os postos na bateria, guitarra e teclado, representando com muito talento as mulheres instrumentistas durante boa parte da noite!

Um luxo contar com dois tecladistas na Geleia Solar: Aline Falcão e Luisinho Assis! Foto Lígia Rizério.

O clima caliente (eita verão que não esfria...!) esquentou de vez com a abertura musical do grupo Skanibais. João Teoria (trompete e voz), Matias Traut (trombone), Gilmar Chaves (trombone), Ito Bispo (sax tenor), Gleison Coelho (sax alto), Nilton Azevedo (sax barítono), Alan do Grave (contrabaixo), Juliano Oliveira (teclado), Uirá Nogueira (bateria) e Marco Oliveira (guitarra e vocal) trouxeram um repertório bem variado, inspirado nos ritmos jamaicanos. Mandaram ver numa sequência que incluiu – entre composições autorais e releituras – "Tomara Que Toque", "Can't Take My Eyes", "Muito Romântico", "Monkey Man" e "Wainting in Vain", com canja da cantora jamaicana Okwei Odoli.

O grupo Skanibais abriu a noite da JAM no MAM! Foto Lígia Rizério.

 

A noite seguiu cheia de canjas deliciosas em composições como "Sambou sambou" (João Donato), "Erê Alabê" (Ivan Bastos), "Misty" (Erroll Garner), "I Feel Good" (James Brown) – com Okwei nos vocais. Também rolou "Os Grilos" (Marcos Vale), com Tobias Möller na bateria, Artur Carneiro no baixo e Paulo Giron na percussão. Em "O Morro Não Tem Vez" (Vinicius de Moraes), tivemos mais uma canja feminina com a baterista austríaca Maria Petrova, além de Anderson do Samba nos timbales e Luan Costa nas congas.

A temporada da JAM no MAM segue até 12/05, sempre aos sábados, com patrocínio da Stella Artois e do Governo do Estado da Bahia, através do Fazcultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

O pôr do sol tem sido um espetáculo à parte nessa temporada da JAM no MAM. Foto Lígia Rizério.
Artur Carneiro mais uma vez brilhou na JAM. Foto Lígia Rizério.
A baterista austríaca Maria Petrova protagonizou uma das muitas canjas da primeira JAM de março. Foto Lígia Rizério.
Anderson do Samba arrasou nos timbales. Foto Lígia Rizério.
O Skanibais começou a tocar durante o pôr do sol na JAM. Foto Lígia Rizério.
Vista geral do Skanibais na JAM no MAM. Foto Lígia Rizério.