Ir para o conteúdo

Os destaques da JAM de 10/03/2018

Música de qualidade foi o que não faltou na JAM no MAM do sábado passado (10/03); nem música, nem público, que mais uma vez compareceu em peso com toda sua escuta sensível aos encontros proporcionados pela nossa querida jam session.

André Becker é presença contante na JAM no MAM. Foto Lígia Rizério.

 

A linha de frente com os dois sopros dos talentosíssimos André Becker e Matias Traut chamou atenção com um repertório recheado de clássicos do jazz e uma generosa pitada de música brasileira: "Ares de Bolero" (Lea Freire), "Palhaço" (Egberto Gismonti), "Minha Saudade" (João Donato) e "Breezin'" (George Benson) foram algumas das composições interpretadas. Tivemos a presença de Jéssica Kaline revezando a guitarra com Felipe Guedes, além de Bruno Aranha (piano elétrico), Ivan Bastos (baixo), Gabi Guedes (percussão) e Ivan Huol (bateria) completando a Banda Geleia Solar.

Jéssica Kaline foi uma das integrantes da banda Geleia Solar no sábado de JAM. Foto Lígia Rizério.

 

Em "Killer Joe" (Benny Golson), foi a vez das canjas de Artur Carneiro no baixo e do saxofonista alemão Benne. "Corcovado" (Tom Jobim) e "Incompatibilidade de Gênios" (João Bosco/Aldir Blanc) ganharam versões com Fábio Sacramento nos vocais e Marcos Sampaio no baixo. Também rolou uma pequena homenagem a Milton Nascimento, com duas de suas composições: "Saídas e Bandeiras" e "Canção do Sal". Muitas canções depois, a noite terminou com "Chameleon" (Herbie Hancock) e a certeza de que toda essa temporada da JAM no MAM será imperdível!

A JAM segue até 12/05, sempre aos sábados, com patrocínio da Stella Artois e do Governo do Estado da Bahia, através do Fazcultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

Cada vez mais gente tem chegado cedo na JAM, para curtir o pôr do sol. Foto Lígia Rizério.
Fábio Sacramento assumiu os vocais da JAM para cantar "Corcovado" e "Incompatibilidade de Gênios". Foto Lígia Rizério.