Ir para o conteúdo

Os melhores momentos da JAM de 27/04

Pôr do sol na JAM no MAM. Foto Lígia Rizério.

Depois de uma temporada de chuva, o sol voltou a brilhar em Salvador, dando aquela pincelada linda no fim de tarde do Solar do Unhão. Quem chegou cedo na JAM do sábado passado (27/04) pôde coferir, viver e registrar o porquê do pôr do sol no local ser considerado um dos mais incríveis de Salvador! E pôde viver também, desde o comecinho, a sessão de jazz que teve abertura do guitarrista baiano Wadson Calasans.

Wadson Calasans na JAM no MAM. Foto Lígia Rizério.

Wadson entrou em cena às 18h tocando"Meu primeiro baião". Ao seu lado estavam o maestro Hugo Sanbone (trombone), Daniel Ragoni (bateria), Fabricio Cyem (baixo) e Gleison Coelho (sax), timão que interpretou "Na segunda feira", "Silvia", "Saudade" e "Gato Layon", todas composições do guitarrista.

Banda Geleia Solar na JAM no MAM. Foto Lígia Rizério.

Em "Tapando a peneira" (Wadson Calasans), rolou aquela mistura incrível entre os músicos que estavam no palco e o time da Geleia Solar, nossa banda anfitriã da JAM. É exatamente esse espírito de imprevisibilidade e de troca que faz da JAM no MAM sempre um programa único – imprevisibilidade, aliás, que conta também com o “dedo” do público presente. No sábado passado foi ele quem pediu aos músicos que tocassem “Take five" (Paul Desmond), um clássico do jazz mundial. Pedido feito, pedido aceito!

Entre as canjas da noite tivemos "Donateando" (Ivan Huol), com Paulo Giron na percussão; a cantora carioca Brina e Artur Carneiro (baixo) brilharam em "Medo de amar" (Tom Jobim), enquanto Beto Martins (bateria) e Ícaro Sá (timbales) foram destaque em "Assim falou Zarathustra" (Richard Strauss).

Lorena Martins na JAM no MAM. Foto Lígia Rizério.

A baterista Lorena Martins também deu o ar da graça em "Summertime" (George Gershwin), junto com o pianista Samuel. Depois desse repertório variadíssimo, a noite terminou depois ao som de "Recorda-me" (Joe Henderson) e "A felicidade" (Tom Jobim/Vinicius de Moraes).

Ah! Nossa próxima JAM no MAM será no dia 25 de maio, com abertura da banda instrumental feminina Panteras Negras (que volta depois do enorme sucesso de sua primeira participação na JAM, em março passado)!

Campanha Fã da JAM. Foto Lígia Rizério.

Você sabia? Muita gente comprou seu ingresso para a JAM (online e presencialmente) pelo Valor Real, transformando-se num patrocinador através da campanha Fã da JAM e contribuindo para que nossa jam session baiana nunca pare! Saiba mais como você pode participar da campanha clicando aqui.

Paulo Mutti na JAM no MAM. Foto Lígia Rizério.

Fotos Lígia Rizério.